top of page

Meus Objetivos

Objetivos para mudar Pelotas*

*Inspirado nos objetivos da ONU para transformar o mundo

Cópia de Cópia de Cópia de Cópia de Cópi

1.

Mapear a pobreza e reconhecer bolsões de miséria, de pessoas e/ou famílias em situação de vulnerabilidade social.

2.

Estimular a inclusão de atividades relacionadas a Educação Ambiental, no currículo das disciplinas do ensino básico e o oferecimento de disciplinas alternativas, de ciências ambientais, meio ambiente e saúde e economia da natureza.    

3.

Definir zonas de exclusão ao uso de agrotóxicos e químicos agressivos de lavoura, junto aos mananciais hídricos e/ou pontos de captação de água.

4.

Ampliar a drenagem urbana, retificar emissários, desobstruir boeiros, galerias, bocas de lobo e isolar o esgoto do fluxo pluvial.

5.

Incentivar o consumo consciente, o reuso, a reciclagem, a disposição final adequada e a coleta seletiva, por meio de campanhas educativas, nas escolas, na mídia e espaços públicos da cidade.

6.

Priorizar investimentos na ampliação do sistema de coleta de esgoto, de modo que atenda a totalidade dos domicílios urbanos, bem como fortalecer o sistema de tratamento de esgoto.

7.

Adotar medidas de proteção do patrimônio, ampliar inventários, definir programas e projetos, buscar investimentos e estabelecer parcerias público-privadas.

8.

Revisar a política de expansão urbana, estimular o crescimento vertical sustentável, em que pese o atendimento dos serviços básicos, demanda por energia e conforto urbano. 

9.

Promover a arborização do espaço público urbano e a revitalização do verde de praças, ruas e avenidas. fazer uso de especies adequadas, incluindo frutíferas e floridas.

10.

Documentar o ambiente de margem ocupado e coibir, com forte fiscalização, o avanço do espaço edificado sobre APPs de margem e da orla.  

11.

Desenvolver políticas públicas modernas, de proteção dos animais, baseadas na educação, fiscalização preventiva de combate aos maus tratos e estratégias de substituição da tração animal.

12.

Reascender o debate da mobilidade urbana, qualidade do deslocamento, acessibilidade e o estabelecimento de novos traçados.  

13.

Implementar sistemas inteligentes de gestão pública integrada, de modo que todos os serviços e formas de acesso possam estar em uma única plataforma.   

14.

Fazer uso de fontes alternativas de energia e lampadas econômicas, em todos os prédios e espaços públicos municipais, sem excessão.

15.

Restabelecer o diálogo e o respeito pelo servidor público. Ser fiel às leis e princípios da moralidade pública, do bom serviço prestado e atenção para a coletividade. 

bottom of page